Agora1

Delegadas de PG explicam a importância de se fazer denúncia de violência contra mulher

13 de fevereiro de 2020 - 12:49
Divulgação

As delegadas Ana Paula Cunha Carvalho e delegada Tania Sviercoski, da 13ª SDP, foram convidadas para abordar o assunto em uma academia da cidade.

O professor de dança Edson Silvério (jacaré da Mundi), que ministra aulas de dança para mulheres, fez um convite as delegadas para que elas abordassem o tema na palestra sobre ‘violência contra a mulher’.

Em contato com a delgada Ana Paula, ela disse; que foi importante o convite para alertar e prevenir de abusos e violência contra a mulher.

“ Nós tivemos na academia e falamos sobre feminicidio e prestamos esclarecimentos aquelas pessoas que ela estavam. Importante dizer que qualquer tipo de violência, seja ela física, psicológica ou qualquer outro tipo de agressão, deve ser denunciado à polícia. Ela completa que toda a sociedade deve estar inserida na prevenção desse crime e que quando todos prestam a atenção em casos de abusos, a chance de um feminicidio se concretizar é diminuída”, disse a delegada.

As mulheres que precisem denunciar qualquer abuso, casual ou recorrente, podem dirigir-se à Delegacia de Polícia Civil da localidade, ou ainda, fazer a denúncia pelos números 181 ou 180. Já em casos de urgência e emergência, ou seja, no exato momento que a agressão esteja acontecendo, a orientação é que a mulher, ou quem presencie o fato, ligue no 190, da Polícia Militar ou 153 da Guarda Municipal, que hoje conta com um departamento especializado em  violência contra a mulher ( Projeto Maria da Penha).

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.