Agora1

Vereador acusado de matar empresário a facadas em Ivaí tem mandato cassado

6 de maio de 2020 - 07:43
Divulgação/ Aquivo

Vereadores da Câmara Municipal de Ivaí, na região dos Campos Gerais, aprovaram por unanimidade relatório que pedia cassação de Luisir Lobacz (MDB) por quebra de decoro.

Sessão foi feita na tarde de terça-feira (5).  O vereador é acusado de matar a facadas um empresário da cidade. A casa legislativa informou que a cassação deve ser oficializada em Diário Oficial nesta quarta-feira (6).

O suplente do vereador, Paulo Cezar de Carvalho (PTB), deverá assumir o cargo após a convocação, segundo a Câmara.

Luisir é considerado foragido da Justiça, já que possui um mandado de prisão em aberto.

O caso;

O vereador e o empresário se desentenderam horas antes do crime. Uma câmera de segurança registrou o momento em que o suspeito chega no supermercado e agride a vítima.

Os golpes de faca atingiram o tórax e os braços do empresário. Ele foi socorrido e levado para um hospital de Ivaí. Horas depois, a vítima foi transferida para Ponta Grossa em estado gravíssimo.

Manfron chegou a passar por uma cirurgia e levado para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mas não resistiu aos ferimentos.

A Polícia Civil afirmou que o crime pode ter sido motivado por uma dívida antiga que o suspeito teria com o empresário ou por conta do barulho de um bar, onde estava o vereador no dia em que o crime aconteceu.

A defesa do vereador chegou a informar que Lobacz iria se apresentar à polícia, no entanto a ida foi cancelada. O advogado dele afirmou que o suspeito estava arrependido e com quadro de depressão grave.

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.