Agora1

Rangel pede que desativação da Procuradoria Federal em PG, seja revista

21 de novembro de 2019 - 20:45
Google Maps

COMUNICADO OFICIAL – Prefeitura de PG

Na tarde desta quinta-feira (21), a Prefeitura Municipal de Ponta Grossa recebeu a criticável notícia sobre a desativação das Procuradorias Seccionais da Fazenda Nacional em Ponta Grossa.

De acordo com a portaria 11.013, publicada no Diário Oficial da União, procuradores da seccional de Ponta Grossa serão transferidos para outras três unidades: Cascavel, Guarapuava e a Unidade Virtual da 4ª Região, administrada por Porto Alegre. A portaria dá 120 dias, a contar a partir da terça-feira (19), para concluir o processo de transferência.

“Este fechamento pode trazer transtornos nos processos, o que gera desrespeito a cidade, pois umas das atividades realizadas pelo órgão é abrir ações e processos contra contribuintes locais que não estão em dia com impostos federais, ou seja, a própria União será prejudicada”, comenta o prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel.

Rangel lamenta e pede que a situação seja revista. “Acredito que esta decisão deve ser analisada e repensada pelos responsáveis, visto que o serviço é fundamental”, declara.

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.