Agora1

Justiça Federal repassa R$ 400 mil para investimentos no Hospital Municipal

8 de novembro de 2018 - 14:20
Divulgação

por Rafisa Ramos

Repasse da Justiça Federal foi realizado através da Associação Pró Pronto Socorro (APRÓS) 

As estruturas de saúde municipal estão recebendo várias melhorias, e na manhã desta quinta-feira (8) a direção do Hospital Municipal Amadeu Puppi recebeu um repasse oficial da Justiça Federal no valor de R$ 400 mil.

Desta vez a reforma será na ala amarela, responsável pelo internamento cirúrgico ortopédico de pacientes. O recurso disponibilizado foi intermediado pela Associação Pró Pronto Socorro (APRÓS) criada em julho deste ano.

“A Justiça Federal, em alguns processos, realiza acordos, e esses são destinados para determinadas áreas. Nós abrimos edital para que entidades pudessem apresentar projetos.  Esses projetos foram avaliados pela comissão, que entendeu e julgou necessário a destinação de verbas para a melhoria física do Hospital Municipal. A nossa obrigação é repassar estes valores, assim a sociedade vê que o dinheiro que é destinado e está sendo bem utilizado, trazendo benefícios para as pessoas que precisam de serviço de saúde de qualidade”, destaca juiz Federal do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, lotado na 2ª Vara Federal de Ponta Grossa, Dr. Antonio Cesar Bocheneck.

Este foi o primeiro repasse de recursos e contemplará umas das etapas das obras na ala. “Cientes que não podemos ficar alheios aos nossos problemas sociais e sermos somente expectadores, o pensamento que move os associados é que as críticas sem ações não são eficientes. A partir do momento em que as mãos estão unidas, o resultado é efetivamente melhor para todos, como mais uma força que soma”, explica o presidente da APRÓS, Cláudio Roberto Agner.

O Hospital Municipal é destinado ao atendimento de urgência e emergência de pacientes que necessitam dos serviços prestados no local. Os usuários procuram de forma espontânea, são encaminhados pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ou pelo Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate). A estrutura também atende pacientes que residem fora do município. Cerca de 450 atendimentos são feitos diariamente no local. A ala que receberá as primeiras obras atende mensalmente 200 pessoas.

“Nossa cidade tem recebido fortes melhorias na área de saúde, tanto de prevenção através das Unidades Básica de Saúde, como hospitalar, recursos que vem da própria Prefeitura ou de repasses do Estado. Agora estamos conseguindo mais investimentos, este estão vindo de empresários, do poder judiciário e até mesmo de pessoas físicas. Esta parceria reflete diretamente aos cidadãos que usufruem dos serviços do Sistema Único de Saúde. Poder contar com a Associação para intermediar toda esta melhoria é fundamental, juntos conseguiremos fazer muito mais pela saúde da população”, ressalta o prefeito Marcelo Rangel.

As obras ainda não têm data para iniciar, porém a diretora administrativa do hospital, Karin Agner, garante que não haverá prejuízo no atendimento à população.

“As obras iniciam em breve, dependemos do projeto elétrico e dos orçamentos que a engenharia está finalizando. Mas, desde já podemos deixar a população tranquila, pois não teremos que cancelar atendimentos ou transferir. Conseguiremos estruturar o atendimento, mesmo com as obras”, explica.

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.