Agora1

Irritado, Bolsonaro diz que Globo quer criar “baderna” e aciona Moro

30 de outubro de 2019 - 11:24
Em entrevista ao Jornal da Record desta terça, Bolsonaro falou sobre o caso.

Presidente da República negou ligação com o caso e se colocou à disposição da Polícia do Rio de Janeiro.

O presidente Jair Bolsonaro falou em entrevista exclusiva à Record TV sobre o vazamento de informações de um inquérito que tenta ligá-lo a um dos suspeitos apontados pela Polícia do Rio de Janeiro por matar a vereadora Marielle Franco. Bolsonaro apontou o governador Wilson Witzel como um dos responsáveis por vazar a informação para a TV Globo, que divulgou a informação no Jornal Nacional desta terça (29).

Bolsonaro negou qualquer envolvimento e afirmou que não estava no Rio de Janeiro no dia e hora das informações citadas neste vazamento.

“Estou conversando com o ministro da Justiça para a gente tomar, via polícia federal, um novo depoimento desse porteiro pela PF para esclarecer de vez esse fato, de modo que esse fantasma que querem colocar no meu colo como possível mentor da morte de Marielle seja enterrado de vez”, disse Bolsonaro em Riade, capital da Arábia Saudita.

Em entrevista ao Jornal da Record desta terça, Bolsonaro falou sobre o caso. Assista:

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.