Agora1

“Deve ter muita cachaça na barriga de Lula”, diz Bolsonaro

14 de junho de 2019 - 16:26
Divulgação

Durante o café da manhã que fez com jornalistas nesta sexta (14), o presidente Jair Bolsonaro foi irônico ao comentar as declarações do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre a facada que ele sofreu em setembro de 2018, durante período eleitoral.

Bolsonaro afirmou em teoria que “deve ter muita cachaça” na barriga de Lula.

O ex-presidente Lula, afirmara na entrevista que estranhou o fato de a facada que Bolsonaro levou na barriga não ter resultado em sangramento.

O chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) General Heleno participou do café da manhã e em tom exaltado, comentou as declarações de Lula.

“Um presidente da República desonesto tinha que tomar uma prisão perpétua. Isso é um deboche com a sociedade.

Será que o câncer dele foi mentira? E o câncer da dona Dilma foi mentira? Alguém disse pra ele isso aí, teve peito de dizer isso pra ele? Isso é uma canalhice típica desse sujeito”, disse Heleno.

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.