Agora1

Jovem grávida que estava desaparecida é encontrada morta no interior do Paraná; ex-companheiro é suspeito do crime

17 de novembro de 2021 - 07:29
Reprodução

O ex-companheiro da vítima e pai da criança é apontado, segundo a polícia, como o principal suspeito de feminicídio.

Uma jovem, de 22 anos, foi encontrada morta na zona rural de Bandeirantes, no norte pioneiro do Paraná, na noite de segunda-feira (15), conforme a Polícia Civil. A jovem foi identificada como Larin Kathleen Oliveira da Silva. Ela estava desaparecida desde o dia 13 de novembro.

O ex-companheiro da vítima e pai da criança é apontado, segundo a polícia, como o principal suspeito de feminicídio. De acordo com o delegado que investiga o caso, a jovem estava grávida e, conforme familiares relataram, o namorado não desejava o bebê.

Um morador andava pela estrada rural do bairro Água Branca. Ele contou ter sentido um cheiro forte e, pensando que pudesse ser o cachorro da família que estava desaparecido, foi procurar a origem do odor. Para surpresa, não encontrou o animal e sim um corpo em estado avançado de putrefação.

Dois carros foram apreendidos desde o início das investigações. O carro do ex-companheiro de Larin e outro que é da atual namorada dele. A namorada do rapaz teria afirmado aos policiais que no dia do desaparecimento, ele teria utilizado o carro dela.

O suspeito é considerado foragido da policia.

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.