Agora1

Homem conhecido como “Senador” morre depois de ser espancado em PG

3 de novembro de 2018 - 09:40
Imagem vereador Celso Cieslak

Um idoso de 67 anos morreu depois de permanecer na UTI do Hospital Bom Jesus por dez dias, vítima de espancamento.

Ederaldo Andrade Novak, conhecido como “Senador” teve sua residencia no bairro da Ronda invadida por bandidos.

Os assaltantes agrediram Novak, comeram uma pizza e ainda agrediram a vítima que permaneceu até o dia seguinte com machucaduras principalmente na cabeça.

Vizinhos deram a falta da vítima e acionado equipes de socorro que levaram Ederaldo até o Hospital Bom Jesus onde permaneceu internado na UTI por dez dias, vindo a falecer na quinta-feira (02). O sepultamento de Novak será hoje (03), as 10h30 no cemitério do distrito de Guaragi.

Vereadores e amigos lamentaram a morte do homem pelas redes sociais.

“Grande amigo gente boa, não fazia mal a ninguém, convivia com o pessoal da Câmara, sempre prestativo. Covardia o que fizeram com ele”, disse um amigo. O caso será apurado pela delegacia de homicídios de Ponta Grossa.

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.