Agora1

Obras do binário no Jardim Carvalho esta na reta final

26 de novembro de 2019 - 06:49
Divulgação

Binário abrange as avenidas Monteiro Lobato e Euzébio Batista Rosas. Empreendimento representa investimento de R$ 6,4 milhões.

As obras do binário da Avenida Monteiro Lobato com a Avenida Euzébio Batista Rosas, no bairro Jardim Carvalho, em Ponta Grossa, estão na reta final. As equipes da empresa vencedora do certame iniciaram na sexta-feira (22) a pintura da faixa destinada a ciclistas e pedestres que vai compor as vias. A obra é coordenada pela Secretaria Municipal de Infraestrutura e Planejamento (SMIP).

De acordo com o secretário Celso Sant’Anna, a previsão é de entregar grande parte da obra para que o binário seja implantado. Os trabalhos, contudo, ainda seguirão com o complemento do passeio com acessibilidade em alguns trechos às margens da Avenida Euzébio Batista Rosas, assim como parte da sinalização na mesma via. A previsão de conclusão é para o fim de dezembro.

“É uma das mais importantes obras de Ponta Grossa em relação à mobilidade urbana. Vai ajudar todo o tráfego de veículos da região. Foi iniciada em fevereiro de 2019 e será entregue no mesmo ano”, confirmou Sant’Anna.

A faixa em execução será compartilhada entre pedestres e ciclistas, sendo 1,75 metro para cada. Em alguns pontos, ônibus poderão utilizá-la para embarque e desembarque de passageiros. Ela inicia na Praça do Rotary, se estende até a Rua Bernardo Sávio e retorna pela Euzébio Rosas. O comprimento será de 2,8 quilômetros.

O início da vigência do binário depende de decreto, contudo, a Autarquia Municipal de Trânsito e Transporte (AMTT) emitirá comunicado com antecedência para alertar aos motoristas.

Com o binário, a Avenida Monteiro Lobato será composta por três faixas, sendo uma para ciclistas e pedestre. As outras duas são para veículos. A via terá o sentido centro-bairro. A Avenida Euzébio Batista Rosas seguirá o mesmo padrão de faixas, mas seguirá o fluxo bairro-centro.

As obras estão dentro do cronograma. A ordem de serviço é de fevereiro de 2019. O custo total do empreendimento está orçado em R$ 6,4 milhões.

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.