Agora1

MP pede investigação contra Valdemiro Santiago por vender feijões que curam coronavírus

10 de Maio de 2020 - 11:34
Reprodução

O Ministério Público Federal pediu investigação contra o apóstolo Valdemiro Santiago por vender feijões como falsa cura para o novo coronavírus. O líder da Igreja Mundial do Poder de Deus sugere R$ 1 mil de seus fiéis pelas sementes. Ainda não há medicamentos ou vacinas com eficácia comprovada para tratar a Covid-19.

A Procuradoria Regional da 5a Região, no Recife (PE), pediu que o MP-SP apure o caso e denuncie o pastor. O órgão vê indícios de crime de estelionato cometidos pelo líder evangélico.

Na análise do procurador, Valdemiro Santiago “praticamente debocha da boa-fé de seus seguidores” ao vender a falsa cura e ainda estampar nos feijões o slogan da Igreja Mundial do Poder de Deus.

Fonte: Yahoo

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.