Agora1

IAT solta mais de 15 mil peixes nativos juvenis no Lago Olarias e Rio Pitangui

27 de novembro de 2020 - 20:17
Reprodução

Pelo Programa Paraná Mais Verde, do Governo do Estado, o Instituto Água e Terra (IAT) de Ponta Grossa ocorreu a soltura de 15 mil peixes nativos juvenis no Rio Pitangi e no Lago Olarias.

O Paraná Mais Verde busca recuperar áreas de floresta no Estado, com a meta de plantar 10 milhões de mudas nativas em todas as regiões nos próximos anos”, destacou o diretor presidente do IAT, Everton Souza.

Em Ponta Grossa, 2 mil araucárias foram plantadas em uma propriedade rural no bairro São João, em Carambeí, com a participação dos cooperados e colaboradores da Frisia Cooperativa Agroindustrial.

“Precisamos enaltecer a consciência das pessoas, especialmente dos agricultores, na recuperação e preservação da nossa flora. O IAT fica à disposição de quem se interessar em retirar mudas para dar continuidade a esse grande programa que é o Paraná Mais Verde”, disse o chefe regional do IAT em Ponta Grossa, Ivan Loureiro.

Em outra ação, 3 mil alevinos (aptos à reprodução), sendo 2.650 lambaris e 350 traíras, se uniram à fauna existente no Lago de Olarias e outros 12 mil alevinos de lambari no Rio Pitangui.

De acordo com Loureiro, a ação é parte de uma medida compensatória firmada pelo órgão em casos de danos ambientais de empresas privadas.

“Através dessas medidas compensatórias, conseguimos, tanto com o repovoamento de peixes nativos quanto com o plantio de árvores, retribuir a natureza por danos ambientais causados”, afirmou.

 

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.