Agora1

Equipamentos que auxiliam aeronaves em balizamento noturno são furtadas do Aeroporto Sant’Ana

1 de novembro de 2019 - 20:46
Divulgação

Os equipamentos auxiliam nos pousos e decolagens noturnos

Na manhã desta sexta-feira (01), a equipe de fiscais de pátio do Aeroporto Comandante Antônio Amilton Beraldo, mais conhecido como Aeroporto Sant’Ana, identificaram durante inspeção de rotina a ausência de 12 balizamentos da cabeceira 26 da pista do aeródromo, localizada nas proximidades da linha de trem do bairro Cará-Cará. As canoplas de balizamento furtadas auxiliam nos pousos e decolagens noturnos.

De acordo com o superintendente do aeroporto, Victor Oliveira, com o furto dos equipamentos o aeródromo fica impossibilitado de receber movimentação aérea no período noturno. “Já fizemos um Notice to Airman (NOTAM) aos aeronavegantes, com o objetivo de informar as alterações e restrições temporárias e o cancelamento imediato do balizamento noturno até que se possa restituir as peças e oferecer 100% de condições para os voos. Por questões de segurança e regulamentação os voos noturnos serão liberados assim que seja reestabelecido todo o balizamento.

De acordo com a Secretaria de Cidadania e Segurança Pública, todas as providências já estão sendo tomadas para identificar e localizar o autor do crime, assim como os objetos furtados. Entre as ações desempenhadas, a SMCSP está promovendo o reforço das operações ostensivas da Guarda Municipal em pontos estratégicos da região.

Para o secretário de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional (SMICQP), José Loureiro, pasta responsável pelo Aeroporto Sant’Ana, o furto compromete as ações de desenvolvimento do município. “Além de Curitiba, o aeroporto de Ponta Grossa é o único da região que possui condições de receber voos noturnos que trazem artistas, empresários e pessoas que escolhem nosso município para investir”, explica.

A falta dos equipamentos furtados interfere também nos serviços de atendimento aeromédico, realizado pelo Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA) em um trabalho conjunto entre Prefeitura de Ponta Grossa e a Secretaria Estadual de Saúde (Sesa) e de Segurança Pública (Sesp), que disponibiliza resgates aéreos, transportes de pacientes e de órgãos, socorro em rodovias, transferências de recém-nascidos, entre outros, beneficiando tanto Ponta Grossa, como toda a região dos Campos Gerais.

Furto deve atrasar o projeto de expansão do Aeroporto de Ponta Grossa

Além de comprometer a oferta de serviços de pousos e decolagens, o furto das canoplas de balizamento da cabeceira do Aeroporto Sant’Ana deve atrasar o processo final de oficialização do Indicador de Percurso de Aproximação de Precisão (PAPI) e do Voo por Instrumento (IFR), já que para realizar as medições é necessário que o avião especial do Grupo Especial de Inspeção em Voo (GEIV) pouse no aeródromo para fazer a aferição e certificação dos instrumentos junto à Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). Com os novos equipamentos, o aeroporto poderá expandir seus serviços, recebendo aeronaves maiores e aumentando o número de voos.

No dia 18 de outubro, representantes da área de cartologia da Instrução de Comando da Aeronáutica (ICA) estiveram no Aeroporto Sant’Ana e a expectativa era de que neste mês de novembro o GEIV certificasse os equipamentos do aeródromo.

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.