Agora1

Advogado morre com tiro no peito caçando javalis com amigos

11 de março de 2016 - 07:14

O advogado de 34 anos, estava caçando javalis com os amigos quando levou um tiro acidentalmente.
180903_1507151652907_6585452_n

eu entrada no IML (Instituto Médico Legal) de Cascavel, no inicio da madrugada desta sexta-feira (11), o corpo de Rafael Pellizzetti, que morreu ao ser atingido por um tiro acidental enquanto caçava.

O advogado de 34 anos estava caçando javalis na companhia de amigos quando foi atingido por um tiro de espingarda na região do peito, na cidade de Nova Aurora.

De acordo com familiares, Rafael tinha como hobby a caça. Ele era pai de duas meninas, uma três anos e outra de sete meses.

O local do velório ainda não foi divulgado.

Agora1/Catve.com

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.