Agora1

Grupo de Teatro Cidade de Ponta Grossa estreia primeiro espetáculo em agosto

17 de julho de 2019 - 19:39
Por: Luana Caroline NascimentoFotografia: Mirna Bazzi

Uma história revisitada da vida e obra do grande dramaturgo William Shakespeare será apresentada de forma inovadora pelo Grupo de Teatro Cidade de Ponta Grossa no seu espetáculo de estreia. Sob direção de Edson Bueno, um dos maiores nomes do teatro paranaense, a peça inédita ‘Shakespeare – Paixão e Poesia’ reúne 15 atores ponta-grossenses em cena, que atuam, cantam e dançam. As apresentações irão acontecer nos dias 14, 15 e 16 de agosto, às 20h, no Cine-Teatro Ópera.

Os ingressos serão trocados por uma lata ou pacote (400g) de leite em pó, que será revertido para doação. A classificação indicativa é de 14 anos. A companhia, que tem caráter de formação de profissionais e é uma iniciativa no país, possui 19 alunos, sendo 15 atores e atrizes, uma figurinista, um cenógrafo, um iluminador e um assistente de direção, todos eles recebendo bolsas de estudos da Prefeitura de Ponta Grossa, por meio da Fundação Municipal de Cultura.

Edson Bueno relata que o trabalho de construção da peça foi conjunto entre diretor, atores e técnicos. “Eu trabalhei com Shakespeare durante muitos anos, mas eu escolhi aquilo que eu achei mais emblemático e, principalmente, aquelas obras que tenham os pensamentos mais profundos sobre a vida humana. Eu escolhi peças que falavam de coisas que eu acho que são importantes para o nosso tempo, para que as pessoas ouçam e levem para a sua casa”, aponta Edson.

O trabalho do grupo começou com a preparação dos atores, desde corpo, voz e emocional, e durante esse período o diretor pode analisar o lugar de cada um e qual personagem poderiam interpretar. A partir disso, Edson começou a elaborar um texto que fosse uma amostra de algumas peças de Shakespeare. “Eu fui escrevendo junto com eles, fui construindo o texto e à medida que nós fomos construindo fomos levantando um tipo de espetáculo”, completa.

Segundo o presidente da Fundação Municipal de Cultura, Fernando Durante, a estreia do Grupo de Teatro Cidade de Ponta Grossa marca o início de um importante ciclo no setor cultural. “Sem dúvida nenhuma o Grupo de Teatro vai se somar ao Coro Cidade de Ponta Grossa, à Orquestra Sinfônica e à Banda-Escola Lyra dos Campos, mostrando justamente esse potencial que Ponta Grossa sempre teve. O grupo de teatro municipal valoriza os artistas aqui da cidade, pois todos eles recebem bolsas de estudos”, afirma.

Um clássico nos palcos da contemporaneidade

A peça de estreia do Grupo de Teatro Cidade de Ponta Grossa terá uma montagem com características do teatro contemporâneo e épico, pois em vários momentos os personagens se misturam com os atores e dialogam com a plateia – derrubando a chamada ‘quarta parede’. “É um espetáculo muito variado porque ele não é uma montagem de uma peça de Shakespeare e tem o espírito do que chamamos de épico. Ao mesmo tempo que os atores estão representando Shakespeare, eles estão conversando com a plateia a respeito dessa figura importante do teatro e também das ideias que ele colocou através das suas peças”, explica o diretor, que possui reconhecimento nacional.

Edson Bueno já atuou como diretor em mais de 140 espetáculos de teatro. É autor de mais de 60 textos teatrais (entre originais e adaptações) e vencedor de 20 troféus do Prêmio Gralha Azul, a principal premiação do teatro paranaense, nas funções de produtor, diretor, autor e ator. É diretor-fundador do Grupo Delírio, companhia paranaense com mais de 35 anos de história. Já dirigiu espetáculos de dança para o Ballet Teatro Guaíra, Ballet da Cidade de São Paulo e espetáculos de teatro para o Centro Cultural Banco do Brasil, Instituto Goethe de Curitiba e Centro Cultural Teatro Guaíra.

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.