Agora1

Diretor do Londrina chama jogadores de ‘porcarias’ e já mandou três embora

14 de outubro de 2019 - 15:24
Reprodução TV LEC

Após a derrota em casa para o Operário por 2 a 1, neste sábado (12), o gestor do Londrina, Sérgio Malucelli, mostrou toda sua irritação com o resultado. O dirigente criticou os jogadores, disse que a equipe só se salva do rebaixamento por milagre e disse que faria uma lista de demissões.

“Quero pedir desculpas para o nosso torcedor pela vergonha que passamos. Me sinto envergonhado porque, perder para os reservas do Operário-PR, o time merece cair mesmo. Eu não culpo os jogadores, culpo eu mesmo por contratar essas porcarias”, disse o dirigente que proibiu qualquer jogador ou membro da comissão técnica de falar após o jogo.

“Vou fazer uma limpa e vou mandar muitos jogadores embora. Eu sou culpado, porque anos atrás tomei medidas antes, e esse ano demorou muito. A gente dá tudo que é de bom e do melhor. Se eu fosse jogador, eu pedia para ir embora, se tivesse vergonha na cara”, completou Malucelli.

O dirigente ainda admitiu que foi uma das maiores vergonhas da sua carreira no futebol: “Acredito num milagre, porque no time não acredito mais não. E na torcida, que pode ajudar, mas é difícil”.

Nota Oficial: Rescisão contratual de atletas

Zagueiros Diogo Silva e Wallace Acioli e lateral-esquerdo Juninho não fazem mais parte da equipe principal alviceleste. O Londrina Esporte Clube comunica que os zagueiros Diogo Silva e Wallace Acioli, além do lateral-esquerdo Juninho não fazem mais parte da equipe principal alviceleste.

O clube agradece aos três atletas pela dedicação ao trabalho e pelo comprometimento no período em que estiveram conosco e deseja sucesso na sequência de suas carreiras.

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.