Agora1

Parque Ambiental recebe mais 50 árvores e gramado novo

8 de julho de 2019 - 20:34
Divulgação

Além do plantio das 50 árvores, Secretaria de Meio Ambiente também repôs gramado em área onde foi desativado um parque

A Prefeitura de Ponta Grossa, através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, segue intensificando a arborização na cidade, em especial, no Complexo Ambiental Manoel Ribas. Na manhã desta segunda-feira (08) foi dado início ao plantio de 50 árvores nativas nas proximidades da Maria Fumaça, além de realizada reposição de grama em área onde antes estava instalado um parque. Nesta semana, a Secretaria de Meio Ambiente deve concluir um estudo sobre a arborização do Parque Ambiental, permitindo identificar em quais pontos há necessidade de ampliar o plantio.

“Adensar a arborização no Parque Ambiental exige planejamento. É preciso identificarmos quais pontos estão com vegetação insuficiente, que pontos são apropriados para o plantio de árvores de grande porte, permitindo o espaçamento correto entre elas para o crescimento saudável e de forma a continuar garantindo a segurança de quem passa pelo local, sem criar áreas de pouca visibilidade para as forças de segurança”, explica o secretário de Meio Ambiente, Paulo Barros.

As 50 árvores são nativas, já com porte de 2,5m a 3 metros, mas que podem chegar a 7 metros de altura ao alcançar o porte completo. As espécies escolhidas para este plantio foram o araçá, guabiju, guabiroba e dedaleira, produtoras de flores e frutos. Além das árvores, a equipe de paisagismo da SMMA também está realizando a reposição de mil metros quadrados de grama no local. No último mês, a equipe de paisagismo da SMMA já havia realizado o plantio de 36 árvores nas proximidades do Terminal Central.

“Nossa equipe está realizando um levantamento completo da arborização no Parque Ambiental, verificando quais são as espécies, a quantidade de árvores, os tipos, idade e todas as informações. Com esse levantamento, poderemos planejar e intensificar a arborização no local, como novos plantios de árvores frutíferas e de floração”, afirma Barros.

Redação Agora1
Equipe de redação do Portal Agora1. Gostaria de nos informar algo? Entre em contato! Clique aqui e nos envie um e-mail agora mesmo.